Post no Blog iHelp BR

Nesta semana (16 de agosto) publiquei um texto no Blog iHelp BR
Meu post foi intitulado como “Meus apps indispensáveis“.
Aproveito para contar que tenho acompanhado no Twitter os escritos de vários adolescentes e jovens e confesso que estou encantada com a escrita de muitos deles. Não necessariamente pela estrutura e ortografia correta, mas pelo conteúdo e forma de comunicar.

Anúncios

Monster Box & Tiny Wings


São jogos que funcionam no iPhone, no iPod Touch e no iPad.


No jogo Monster Box você precisa ter muita atenção!

Os monstrinhos vão saltando da caixa e você deve encontrar e “tocar” no diferente.


Mas não vá pensando que é uma tarefa fácil, pois não é!!


No começo são poucos monstros (apenas três), mas depois eles vão se multiplicando… 😉

Este jogo é muito legal para trabalhar a percepção das crianças, pois é necessário localizar o monstro diferente o mais rápido possível.


——————————–

No jogo Tiny Wing você deve conduzir o passarinho de ilha em ilha. Ele precisa ir deslizando e voando pelos terrenos montanhosos. 😉
É um jogo bem legal, com um bonito colorido e com uma música linda!
Além de fazer o passarinho deslizar e voar, fugindo da noite, é necessário ficar atento aos objetivos que devem ser atingidos ao longo do jogo.


Destaque especial quando o pássaro passa de uma ilha a outra, dizendo “Yuhuuuul”.

“Meu Querido Diário” (agora, digital)! ;-)

Quem me conhece sabe bem o quanto eu gosto de escrever Diário. No Blog Nós de 40, eu já tinha publicado partes dos meus escritos em diário.
Vejo que as crianças, hoje em dia, principalmente as meninas, também gostam de escrever “seus segredinhos”. 😉
Minha sobrinha de 8 anos, quando ganhou seu iPod Touch começou a escrever um diário e adora!
Por isso, resolvi comentar aqui sobre os diários digitais que estão disponíveis na App Store.



Meus apps favoritos…





No domingo passado no Caderno Donna de Zero Hora, o artigo de capa era “Diga-me teus aplicativos e te direi quem és”, escrito por Fernanda Zaffari. Resolvi escrever também sobre os meus aplicativos preferidos… São muitos e é difícil decidir… 😉





Neste texto, vou escolher alguns dos apps preferidos e/ou mais usados por mim.
Começo com o trio: Pages, Keynote e Numbers. São vendidos na Apple Store a US$  9,90 cada um, mas vale a pena. Para os iniciantes, nunca é demais repetir para que serve cada aplicativo. No Pages é possível escrever e editar textos. No Numbers é possível criar e editar planilhas e gráficos. No Keynote é possível criar e editar apresentações de slides. 

Já foram três. 😉 
                                                                                    



 Uso muito o twitter, por isso o próximo escolhido é exatamente o TwitBird. Eu uso a versão paga, mas a versão free serve perfeitamente para quem tem uma única conta. Gosto deste aplicativo, pois utilizo muitas contas, pesquisas, listas, integração com o Facebook e outros recursos… Vou sugerir outros dois que já testei e também gostei! 😉 São eles: Twitter (uso no meu MacBook, mas no iPad não gostei muito) e Twittelator.     

                                                                         


Dois aplicativos para anotações: Penultimate e Bamboo Paper. É recomendável ter uma canetinha para tela touch para fazer os registros. Ultimamente tenho preferido usar o Bamboo. Mas prepare-se nenhum dos dois é de graça. 



A última dica de hoje é o app Read Later. Tenho utilizado muito, principalmente integrado com o twitter. Como o nome diz é um app que serve para “ler depois”. Você salva links para ler quando puder. 

Na próxima postagem, escreverei mais sobre jogos e uso de app na educação.  



+ dicas de aplicativos para iPad

Talking Gina

Quero destacar aqui alguns aplicativos (apps) que não são tão falados, mas que servem, e muito, para um trabalho pedagógico com crianças. 
Hoje decidi escrever especialmente sobre o Talking Gina. Um app free na Apple Store. Trata-se de um aplicativo de uma girafinha extremamente simpática, a Gina. Ela repete tudo o que você fala, com possibilidade de gravar e de postar diretamente no YouTube. É preciso cuidar dela alimentando-a e fazendo carinho!! 😉


Talking Gina

Entre as diferentes interações que se pode ter com a Gina, destaco o jogo de mãos (aqueles que jogávamos quando éramos crianças). No jogo, você deve acertar as mãozinhas (e depois os pezinhos) da girafa de forma correta, trabalhando ritmo de uma forma super interessante e dinâmica. Imagino uma atividade de sala de aula: primeiro jogar o jogo das mãos com a Gina (girafinha) e depois reproduzir os movimentos com os colegas de sala, trabalhando a interação com a tecnologia e depois com os colegas, sendo uma atividade rica e bastante interessante para as crianças.

Aplicativos da Apple Store para iPad

Não é novidade para os que me conhecem que eu gosto muito da Apple.
Trabalho com computadores da Apple desde 2004 quando ganhei meu primeiro iBook, presente do maridão.
Depois disso veio um iMac, um MacBook, um iPod 60gb, um iPod Touch, um iPhone 3G, um iPhone 3GS, um iPhone 4 e, mais recentemente, um iPad  e um iPad 2 (ufa! Nem tinha me dado conta que eram tantos). Todos estes dispositivos foram muito utilizados por mim… Cada um no seu momento! Outra coisa é legal com os produtos da Apple, a gente vende fácil pra comprar a versão mais recente (a gente cuida tão bem que ficam novos, com caixa e tudo).
Ultimamente, tenho utilizado, com mais frequência, o iPhone 4 e o iPad. Este último me serve pra tudo, quase substituindo totalmente o meu computador (inclusive este texto esta sendo escrito no iPad, utilizando o aplicativo Pages da Apple).
Tenho me dedicado a estudar amplamente sobre os aplicativos (apps) disponíveis na Apple Store para a utilização na educação. Existem muitos… Muitos mesmos….
Fico pensando que é uma pena que eu não esteja em sala de aula no momento, pois se estivesse certamente poderia utilizá-los diretamente com os alunos.
Muitos aplicativos já são amplamente divulgados, como é o caso do Pages (editor de texto), do Numbers (planilhas e gráficos matemáticos) e do Keynote (apresentação de slides) que já são clássicos da Apple. Há também o Penultimate (na última atualização está em português) que serve para anotações em forma de cadernos. Existem diversos aplicativos que trabalham com os principais conceitos matemáticos de forma agradável, lúdica e efetiva, destaque para o Rocket Math. Com ele é possível trabalhar desafios matemáticos com as quatro operações.
Por hoje é isso…